Jacto

Animais apresentam maciez da carne do gado europeu e resistência ao calor herdada de bovinos da África Ocidental 

 

Considerada a raça de gado que mais cresce no País, o Senepol é uma combinação entre a maciez da carne do gado europeu com a resistência ao calor dos bovinos do Norte da África. Em outras palavras, é uma opção muito atraente para os criadores brasileiros. A raça está em exposição na ExpoLondrina 2018, com dez animais (sendo um deles um bezerro que nasceu na feira) de dois produtores paranaenses. 

Alaor Souza Taques Filho, pioneiro da raça no Estado, afirma que atualmente existem no Brasil cerca de 600 criadores de Senepol, contra apenas 90 uma década atrás. Trata-se de uma raça taurina adaptada às condições climáticas brasileiras. As duas criações que expõem na ExpoLondrina são de Ventania e Castro, na região dos Campos Gerais.  

“Um dos diferenciais dessa raça pode ser observado no estande onde nossos animais estão expostos, que não precisam dos ventiladores que vemos nos outros estandes”, exemplifica. O Senepol tem duas origens principais, o gado Red Pool, europeu, e a N’Dama, do Senegal, país da África Ocidental localizado a oeste do deserto do Saara. 

Os animais não possuem chifres, têm pelos muito curtos, de cor vermelha, preta ou marrom. Segundo os criadores, o Senepol combina características de tolerância ao calor e resistência a insetos do N'Dama com a natureza dócil, de boa carne e de alta produção de leite do Red Poll . 

Outra característica da raça, informam, é o “caráter mocho”, que é repassado em programas de cruzamento industrial e resulta em vantagens na pesagem e na facilidade de manejo. 




Deixe seu comentário

Safeeds
Matsuda

Facebook

Biotrigo
Vencofarma
Oro Agri
Dispec
Cresol
Agral
Calpar
Bonetti Agronutri